Análise de documentos da negociação imobiliária

Análise de documentos da negociação imobiliária

 

Este é o primeiro post de muitos outros que estaremos escrevendo aqui em nosso blog. O objetivo da iniciativa é disponibilizar cada vez mais conteúdos visando melhorar o conhecimento de nossos seguidores, de maneira acessível e com qualidade. Desta vez escreveremos uma série de artigos envolvendo a documentação na prática, compra e venda de imóveis. Tudo que você precisa saber para não entrar em uma furada.

Análise de documentos será nosso ponto de partida, do ponto de vista profissional para o cliente ainda que com pouco conhecimento. Visando elucidar a intermediação imobiliária.
A partir desta publicação “Análise de Documentos”. O objetivo é detalhar as certidões e características da negociação imobiliária, tudo isso para auxiliar ao futuro comprador ou vendedor na elucidação do tramite de uma negociação imobiliária.

A responsabilidade do corretor é gigantesca, é necessário que ele conheça todo trâmite do negócio. E quando isso não acontece o cliente precisa saber ao menos o básico sobre o negócio imobiliário. O negócio imobiliário envolve milhares de reais, além do que é uma ciência complexa que é regulamentada por dezenas de legislações municipais, estaduais e federais.

Leia abaixo algumas das hipóteses especiais que poderão constar na matrícula da unidade:

Hipoteca

Acontece quando um imóvel é destinado como garantia de uma dívida. Porém sua validade surge apenas após o registro no Cartório Imobiliário. A existência da hipoteca não impede a venda da unidade imobiliária.

Penhora

É comum ouvir falar sobre imóvel penhorado. Na verdade é a vinculação do bem ao pagamento
de uma dívida. Dessa forma, o imóvel poderá ser leiloado para satisfação do credor.
Assim como na hipoteca, a penhora sobre um imóvel não impede sua venda. Mas, evidentemente, o risco de uma negociação de um imóvel com esse perfil é muito grande, já que a penhora tem prioridade em relação à negociação imobiliária. A venda será recomendada quando numa eventual Escritura de Compra e Venda houver assinatura do Credor.

Existe uma promessa de compra e venda

Nesse caso ocorre quando o proprietário de um imóvel tenha prometido vendê-lo a um terceiro, este poderá registrar a promessa de compra e venda no Cartório Imobiliário tendo a prioridade na conclusão do negócio até o registro da escritura definitiva. Portanto, mesmo que outro interessado no imóvel queira registrar uma escritura de compra e venda, com autorização do vendedor, não alcançará êxito. A preferência é daquele que primeiro efetuou o registro, neste exemplo, a promessa de compra e venda. Uma possibilidade de aquisição do imóvel, ao constatar na certidão imobiliária que a unidade está prometida à venda, é o cancelamento do registro da promessa que só poderá ser feito com a autorização do promitente comprador.

Imóvel adquirido anteriormente em leilão

No caso de constar na matrícula do imóvel uma carta de arrematação, mostrando que o atual proprietário adquiriu a unidade através de leilão, são necessários alguns cuidados na compra do imóvel. O primeiro é verificar se existe alguma ação contra o proprietário da unidade, visando a anulação da arrematação. Havendo alguma medida judicial, os argumentos da mesma devem ser analisados com o intuito de verificar sua legalidade. Se ocorrer a anulação da arrematação, todas as vendas posteriores serão consideradas ilegais. Outra  medida é analisar a regularidade da arrematação, afinal nada garante que mesmo que ainda não tenha sido feita, não haja no futuro alguma ação contra a arrematação, caso haja irregularidades.

No próximo post estaremos abordando outros cuidados que você comprador ou vendedor devem ter na hora de negociar seu Imóvel.

Para maiores esclarecimentos procure nossa site www.familybrokers.com.br

Compare listings

Comparar